Buscar
  • AZELAR

Frequência de limpeza em caixas d'água em Goiânia

Atualizado: Jul 8

Manter as caixas d’águas e reservatórios limpos são essenciais para evitar qualquer tipo de contaminação a partir de micro-organismos presentes na água.


Segundo a Lei n° 9731 de 2015, a limpeza de caixas d’água e reservatórios em Goiânia devem ser feitas de 6 em 6 meses.


A justificativa da é que falta de higienização nas caixas d’água pode causar entupimentos por conta da sujeira acumulada e até surgimento de algas responsáveis por liberar toxinas.


Um dado intrigante, é que 70% das internações hospitalares são causadas por doenças com relação direta à contaminação da água.

Nesse texto você vai saber:

· Quando fazer;

· Como é feita a limpeza.

Quando fazer a limpeza

A limpeza deve ser feita de 6 em 6 meses, mas no período adequado.

O período adequado são os meses outubro e fevereiro, pois o edifício garante o uso no verão, que é utilizado um nível maior de água, e em dia para o inverno.


A responsabilidade de garantir que a limpeza seja feita regularmente é exclusiva do síndico. Se o edifício ter qualquer tipo de complicação por conta de água contaminada, o síndico pode chegar a responder um processo judicial.


Optar por uma empresa especializada no serviço é a melhor opção para tomar, pois em algumas regiões, a não contratação de uma empresa especializada pode acarretar em multa.

Como é feita a limpeza

A limpeza em caixas d’água em Goiânia é feita apenas por empresas registradas na Fepam(Fundação Estadual de Proteção Ambiental).


Analise a empresa que será responsável pelo serviço, se possível busque indicações. Procure saber sobre os funcionários que trabalham nela e o seu portifólio.


Uma limpeza é feita pelos seguintes procedimentos:

· Observação da estrutura externa do reservatório de água;

· Fechamento da entrada de água;

· Esvaziamento do reservatório;

· Escovação das paredes internas e da tampa;

· Remoção do lodo para evitar a entrada de sujeira nas tubulações;

· Eliminação de toda a sujeira, inclusive manchas;

· Enxágue com água e mais um esvaziamento;

· Fechamento adequado do reservatório com lacre e cadeado, de modo a impedir a entrada de qualquer elemento estranho;

· Verifique se a limpeza é feita com água sanitária.


Após esses passos, a limpeza foi feita e a caixa d’água está pronta para receber água novamente.


Uma dica interessante: solicite uma empresa para fazer uma análise bacteriológica da água para prevenção.


Gostou do conteúdo? Comente abaixo e siga o nosso Instagram.



23 visualizações
  • Instagram da AZELAR
  • Facebook da AZELAR

Rua Coronel Serafim Agapito, S/N Qd. 11 Lt. 04 Vila Maria José - Goiânia - Goiás

CEP: 74815-470 │ E-mail.: azelar@hotmail.com │Telefone.:  62 3241 8685